Blog

Aprenda a usar o poder da resiliência

Seja como as ondas no mar, que mesmo batendo contra os obstáculos, encontram forças para recomeçar – S. Bambarén

Por vezes podemos nos sentir abatidos, desnorteados pelos desafios da vida. A impermanência do fluxo dessa existência pode nos deixar inseguros sobre o futuro, mas essa mesma impermanência nos confirma que tudo passa, tudo muda.

As pedras no caminho existem para nos lapidar, todos os acontecimentos nos ensinam algo. E alguns desses nos trazem tristeza, dor, raiva, etc., que são emoções naturais que sentimos.

Entretanto podemos ficar apegados a essas emoções. Mantendo-as nos nossos sistemas. Ocupando esse espaço, o que impede a chegada do novo. Efetivamente, nós lutamos contra o fluxo natural, por medo de repetir os mesmos padrões; porque para recomeçar é importante finalizarmos primeiro.

Sim, devemos respeitar nosso “luto” pela falta que aquela estabilidade anterior nos fornecia, às vezes precisamos de algum tempo para elaborar os ocorridos. Mas para seguir, temos que desapegar, soltar, nos libertar. Abrindo mão da magoa, dor, tristeza, peso. Tudo isso nos serviu de alguma forma, mas são amarras ao passado.

Somos seres livres.

Temos potência em nós para seguir. Para mudar. Para aceitar as mudanças. Podemos simplesmente mudar nossas perspectivas. Sem medo.

Exercício de Integração

Feche os olhos.
Respire.
Se permita ficar presente nesse momento.
[Quando estamos no presente, a mente não tem força para trazer o passado à tona.]
Se conecte com seu Eu Superior.
Sinta seu poder pessoal, toda a latência divina que existe em você.
Tome consciência que você tem a força para seguir.
Que a todo momento você é sustentada(o) e acolhida(o) pela Fonte Criadora.
Que você é completa(o).
Dê um passo de cada vez.
Mas lembre-se que o primeiro passo para recomeçar é:
Escolher recomeçar.

Que o amor incondicional inunde sua alma!

Garanta o DVD “Manifestação e Abundância” e aprenda a manifestar o melhor que o mundo pode nos oferecer, estabelecendo a abundância em sua vida!

Related Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *